Plano Municipal de Cultura

O Plano Municipal da Cultura foi aprovada pela Lei Municipal nº 7.087, de 07 de novembro de 2017.

 

A política da cultura do Município tem como premissas:

- reconhecer que a cultura abrange, além das artes e das letras, os modos e as maneiras de vida, os sistemas de valores, as tradições e as crenças;
- preservar o patrimônio cultural, entendido como sendo os bens materiais e imateriais que se referem à identidade, à ação e à memória dos diferentes grupos formadores da nossa sociedade;
- respeitar a diversidade cultural favorecendo intercâmbios e estimulando o desenvolvimento das capacidades criadoras;
- valorizar o patrimônio natural através de programas de preservação do meio ambiente;

 

São diretrizes da política cultural do Município:

- servir de instância, de referência e de articulação entre os organismos governamentais e não governamentais, a sociedade civil e o setor privado para a elaboração conjunta de conceitos, objetivos e políticas em favor da diversidade cultural;
- estimular a produção cultural de criadores, artistas, pesquisadores e intelectuais;
- propiciar a difusão e o acesso universal aos bens culturais;
- elaborar políticas e estratégias de construção, preservação, valorização e acesso ao patrimônio cultural e natural;
- qualificar os serviços públicos pertinentes à realidade local.

 

Compartilhe
nas redes