Apresentação do diagnóstico EBAPI

postado dia 10/05/2021

Por meio de uma reunião virtual, no dia 30 de abril, foi realizada a apresentação da atualização do Diagnóstico da Pessoa Idosa de Veranópolis, fase importante do projeto “Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa (EBAPI)”, conduzida pela pesquisadora, consultora e Assistente Social, Michelle Bertoglio Clos.
EBAPI é uma iniciativa instituída pelo Governo Federal, inspirada no Programa Global: Cidade Amiga do Idoso (Organização Mundial da Saúde/OMS). A Estratégia organiza os temas relacionados à pessoa idosa em dimensões herdadas do Programa Global, com adaptação para a realidade brasileira. A população foco da EBAPI é a população idosa vulnerável do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. De forma geral, o Programa incentiva municípios a implementarem ações voltadas para a pessoa idosa.
O presente diagnóstico tem como objetivo a sistematização de dados em três dimensões: caracterização do município de Veranópolis e de seus habitantes, identificação de serviços, programas e projetos existentes e a escuta da população idosa.
A primeira dimensão tem como objetivo explicitar os aspectos demográficos, econômicos, sociais, culturais e epidemiológicos. Na sequência, o diagnóstico apresenta um levantamento de informações sobre programas, projetos, serviços e ações em curso, voltados para a população idosa local. O objetivo é identificar o que já existe no município e apresentar uma análise dos aspectos positivos e necessidades de melhorias. Por fim, a última dimensão é relativa à escuta da população idosa, com o intuito de conhecer a percepção e avaliação dos participantes sobre o acesso e a qualidade dos serviços, equipamentos e espaços disponibilizados pelo município.
A sistematização do documento de diagnóstico foi realizada com apoio técnico especializado da empresa Senescentis e liderada pelo Coordenador Local da Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa, com apoio do Comitê Municipal, no período de outubro de 2020 a março de 2021.
A atualização do Diagnóstico da Pessoa Idosa do Município foi fundamental. Se fez necessário adaptar e atualizar o Diagnóstico realizado em 2016, com as especificações determinadas no guia da EBAPI, com a caracterização do município, diagnóstico de gestão e escuta da população idosa. Veranópolis já conquistou o Selo Adesão e está na fase de análise do Diagnóstico Municipal para preenchimento e elaboração do Plano Municipal da Estratégia, fase essencial para a conquista do Selo Plano.
Participaram do encontro: Fabiane Parise, Secretária de Desenvolvimento Social, Habitação e Longevidade; Leonardo Maziero, representando o Conselho Municipal do Idoso; e Eliandra Gabrielli, representando o Conselho Municipal de Assistência Social, que fazem parte do Comitê Gestor Municipal.

Compartilhe
nas redes